Na temporada anterior de… – um guia rápido de Criminal Minds a The Good Wife


Os cinco grandes canais dos EUA (ABC, CBS, CW, Fox e NBC) retomam sua programação normal neste mês – e, por aqui, já tem canal pago prometendo exibir episódios com apenas uma semana de diferença. Se você perdeu episódios importantes ou já se esqueceu de tudo, tire o pó com nossos resumos da temporada passada e prepare-se para os novos episódios.

O policial vivido por Eric Close pediu ajuda, mas virou vítima

Criminal Minds

A temporada começou exatamente no ponto em que a anterior havia parado: Hotch atacado em sua casa pelo serial killer George Foyet (que havia sido desmascarado pela Unidade de Análise Comportamental do FBI, mas conseguiu fugir da prisão). Hotch sobrevive, mas decide colocar sua ex-esposa Haley e seu filho Jack no programa de proteção à testemunha. Alguns casos depois (incluindo um episódio com o roqueiro Gavin Rossdale), Foyet reaparece, mata Haley e é morto por Hotch. Após esse arco, a temporada tem continuidade com casos e casos de serial killers, a apresentação de uma segunda equipe do FBI liderada por Forest Whitaker (que vai estrelar o spin-off da série) e mais um cliffhanger: um serial killer mata um policial, sequestra sua filha e deixa o agente Morgan algemado (e prometendo justiça).


Langston e o serial killer Nate Haskell

CSI

Nem o retorno de Sara Sidle conseguiu tirar os holofotes de Ray Langston, o médico que virou perito no ano anterior e é interpretado por Laurence Fishburne (“Matrix”). Ray viajou para Miami e para Nova York (no encontro da nave-mãe com os spin-offs) para desmantelar uma organização de tráfico humano, e também encontrou tempo para caçar um serial killer que fazia complicados procedimentos cirúrgicos em suas vítimas (e ganhou o nome de “Dr. Jekyll”). No último episódio, Langston finalmente encontra o criminoso (um cara meio sem graça que acaba morto por Nick Stokes). Mas a história não acaba bem: o serial killer Nate Haskell (nêmesis de Langston que havia sido chamado para ajudar na caçada ao Dr. Jekyll) esfaqueia o perito usando… a haste de seus óculos. Langston termina a temporada sangrando, no chão.


Quem sobreviverá e quem deixará a série?

CSI:Miami

Dificuldades na renovação do contrato reduziram a participação do ator Adam Rodriguez, que interpreta o perito Eric Delko. Mas Delko retornou à série – primeiro trabalhando com advogados de defesa, depois com a promotoria até, finalmente, voltar a integrar a equipe de peritos de Horatio Caine.
Outro destaque da temporada foi a prisão de Rick Stetler, o investigador da corregedoria. Stetler, que conquistou pouca simpatia de Caine ao acusar vários CSIs ao longo da série e namorar a policial Yelina Salas (cunhada de Caine), já havia realizado vários roubos de carros apreendidos pela polícia de Miami – mas só foi descoberto quando roubou diamantes e tentou incriminar o perito Ryan Wolfe.
No episódio final do oitavo ano, a equipe de CSIs investiga um serial killer que gosta de enviar dicas. O assassino é identificado, mas sua última jogada é infectar diversos membros do laboratório. Cinco membros do elenco fixo estão entre as vítimas, criando dúvida sobre quais permanecerão na próxima temporada.


A vida está difícil para a família formada por Danny e Lindsey

CSI:NY

No final da temporada anterior, toda a equipe estava em um bar até que um carro passou ao lado atirando em tudo. O saldo do ataque foi a morte da detetive Jessica Angell (parceira e namorada de Flack) e um grave ferimento no CSI Danny Messer, que começa o ano na cadeira de rodas (mas se recupera após alguns episódios). O tiroteio é a primeira investigação da temporada – e é devidamente solucionado.
O grande caso do ano foi o “Assassino do Compasso” – um arco de vários episódios espaçados. O serial killer, que era um homem traumatizado pela morte da esposa em uma missão de vingança, foi identificado e preso por Mac.
Com o fim do arco, abriu-se espaço para o retorno de Shane Casey, um jovem que foi preso em Nova York após assassinatos em vingança à morte de seu irmão (que cometeu suicídio na prisão). Casey escapa da cadeia e encerra a temporada pronto para matar Danny, enquanto carregava a filha do CSI e de Lindsey no colo.


O passado perseguiu a nova vizinha

Desperate Housewives

A personagem misteriosa do ano foi Angie Bolen, a nova vizinha. Seu marido teve um caso com Julie Mayer, seu filho foi acusado de ser o maníaco estrangulador do bairro e ela quase foi destruída por seu passado (na forma de Patrick Logan, seu parceiro ecoterrorista da juventude).
A outra história foi a do estrangulador – que atacou Julie e matou uma garçonete, a ex-noiva de Preston Scavo e sua própria mãe. O maníaco era Eddie Orlofsky, um adolescente da vizinhança, que acaba se entregando à polícia após manter Lynette refém.
Enquanto isso acontecia: Susan e Mike se casaram novamente (e entraram em crise financeira e conjugal); Lynette e Tom enfrentam mais uma gravidez (Lynette perde um dos bebês no caos do acidente aéreo, mas sobrevive ao estrangulador e ao nascimento de sua filha); Bree tem um caso com Karl Mayer (até ele morrer no acidente aéreo) e perde sua companhia após ser chantageada; Gabrielle passou o ano ocupada com suas filhas e sua sobrinha adolescente; Katherine superou a rejeição de Mike com uma namorada – e deixou a série.


Olivia versus Olivia no universo de lá

Fringe

A guerra está declarada nos universos de Fringe. De um lado, Walter Bishop e seu exército não muito bem sucedido de crianças do cortexophan. Do outro, Walternative e sua Fringe Division que conta com a mais alta tecnologia que seu universo pode disponibilizar. No meio da batalha, Olivia e Peter que agora mais do que nunca entendem seus papéis na possível destruição de dois mundos completamente diferentes. Depois de cruzarmos para o outro lado, finalmente pudemos nos encontrar com William Bell, cujos átomos instáveis se sacrificaram para o retorno heróico da nossa divisão Fringe, com apenas um twist: Olivia ficou para trás, prisioneira de Walternative e parte de um plano que envolve a construção de uma máquina de poder incalculável. Resta saber se Walter e Peter irão finalmente descobrir que sua maior aliada não retornou ao seu mundo de origem, que dará a Anna Torv a chance de brilhar ainda mais interpretando uma nova e perigosa Olivia Dunham.


Journey não foi o suficiente para o New Directions

Glee

Comandado pelo professor de espanhol Will Schuester, o clube de Glee (também conhecido como “Clube do Coral” na dublagem brasileira) mistura alunos impopulares e um pouco desajeitados com alguns jogadores de futebol americano e líderes de torcida.
Entre uma sabotagem e outra da técnica das cheerleaders Sue Sylvester (a “vilã” da história) e um drama e outro dos integrantes (Tina finge que é gaga – e depois se veste de Gaga; Artie sonha em sair da cadeira de rodas; Mercedes tem uma breve fase bulímica; Kurt revela ao pai que é gay; Rachel conhece sua mãe biológica; Quinn fica grávida do melhor amigo do namorado…), o clube “New Directions” conhece o sucesso – ao vencer a fase seccional do concurso de clubes de Glee – e o fracasso – ao ser derrotado pelo rival “Vocal Adrenaline” na fase regional, no final da temporada.


Alicia em mais uma decisão difícil

The Good Wife

A vida não foi fácil para Alicia Florrick, mas a mulher mais trabalhadora da televisão atual conseguiu tirar de letras as contas para pagar, os casos de seu marido e as investidas de seu chefe, Will. Com Peter oficialmente candidato a promotoria de Chicago, Alicia terminou sua saga numa encruzilhada, já que decidir apoiar publicamente o marido exigiria mais um grande sacrifício de alguém que pouco a pouco foi reconstruindo sua credibilidade nos tribunais de Illinois.
Paralelo ao drama de Alicia, Cary se juntou às trincheiras inimigas e agora trabalhará ao lado de Glenn Childs para derrubar o escritório que o demitiu. Kalinda, por sua vez, permanece o braço direito (e faz as vezes de esquerdo) de Will e Maryanne, sem mais ter que provar sua lealdade após a sucessão de resgates feitos durante o semestre. Resta a dúvida sobre o caráter de Peter e sobre a escolha de Alicia: ficar ao lado do marido ou atender o insistente telefonema de Will? No que se refere a mim: #teamWill.

 

[compre: DVDs das séries CRIMINAL MINDS, CSI, CSI: MIAMI, CSI: NY, FRINGE, DESPERATE HOUSEWIVES, GLEE, THE GOOD WIFE]



This entry was posted in TV and tagged , , . Bookmark the permalink.



Goma de Mascar no Facebook