Indicados ao Emmy 2009


Foram anunciados os indicados a maior premiação da TV norte-americana, o Emmy Awards, a ser realizado em 20 de setembro. A Goma selecionou alguma das principais categorias da premiação para dar os seus pitacos sobre quem pode vencer o quê.

Veja:

Melhor animação (com menos de uma hora de duração)

  • American Dad
  • Robot Chicken / Robot Chicken: Star Wars Episode II
  • South Park
  • The Simpsons

Pablo Casado: Apesar de apreciar animação, são poucos os desenhos que acompanho hoje em dia. Dos indicados, Simpsons e South Park já deixei de assistir faz um bocado de tempo; Robot Chicken nunca fui atrás; American Dad diminui um bocado, e assisto mais por condescendência ao Seth MacFarlane. Afinal, ele é o cara que criou Uma Família da Pesada/Family Guy, minha série animada favorita de todos os tempos. No chutômetro, Simpsons e Robot Chicken são os que têm mais chances.

Guilherme Sagas: Adoro animação, mas não acompanho nenhuma das séries indicadas. Aliás, não acompanho nenhuma série de animação. Shame on me! Torço por American Dad também, porque Simpsons é muito óbvia como animação premiada.

Denis Pacheco: Simpsons na cabeça, meus caros. Mas já sei que American Dad será a barbada da vez. A graça de se opinar no Emmy é sempre dividida em dois: de um lado está quem você quer que ganhe, e de outro está o vencedor de fato. Simpsons é uma animação consagrada que merece todo o louvor por ter chegado a 21ª temporada. No entanto, American Dad traz o humor pós-Era Bush que tanto agrada os americanos, dispostos sempre a rir jocosamente de si mesmos.

Hector Lima: acho que dá o especial do ROBOT CHICKEN, pelo menos é um dos que mais vejo propaganda por aí. ainda fazem AMERICAN DAD? achei que tinha acabado conforme zoar o Bush foi ficando fora de moda. SIMPSONS já é o novo FLINTSTONES, né? tá familiar demais – em todos os sentidos – e acho que só teve relevância no filme ultimamente. mas SOUTH PARK merecia. a última temporada foi ótima e os caras viram que não adianta ficar pregando sobre um tema – legal é comentar ele mostrando os meninos no dia-a-dia da escola, como se fosse um PEANUTS do mundo bizarro.

Melhor série de comédia

  • 30 Rock
  • Entourage
  • Family Guy
  • Flight Of The Conchords
  • How I Met Your Mother
  • The Office
  • Weeds

Pablo Casado: A campanha do Seth MacFarlane para colocar Family Guy entre os indicados a Melhor série de comédia deu certo! É óbvio que é o meu candidato favorito a levar o prêmio. Mas se 30 Rock ou The Office ganharem — principalmente o último —, vai ser merecido. Não assisti ainda nenhum das outras séries, mas já recebi boas recomendações quanto a Weeds e How I Meet Your Mother.

Guilherme Sagas: Posso quase apostar que vamos ver a Tina Fey agradecendo esse prêmio esse ano de novo. 30 Rock é favorita de novo, merecidamente. É também a única que eu acompanho, e a gente tá aqui pra ser totalmente parcial mesmo.

Denis Pacheco: Para mim é a hora e a vez de How I Met Your Mother descolar a aclamação que merece. Na onda de Friends, HIMYM conseguiu criar personagens carismáticos e inundar a cultura pop com um sem número de referências, graças ao brilhantismo do Neil Patrick Harris como o legen-dário (separado assim mesmo) Barney Stinson. Mas quem vai ganhar? 30 Rock porque já é freguês.

Hector Lima: só vejo 30 ROCK dessas e a série já ganhou Emmys demais em temporadas anteriores e menos engraçadas. legal que tão focando mais na produção do show-dentro-do-show e a Tina Fey tá largando mão de tentar ser o Seinfeld. mas não sei se leva.

Melhor série dramática

  • Big Love
  • Breaking Bad
  • Damages
  • Dexter
  • House
  • Lost
  • Mad Men

Pablo Casado: Big Love, Breaking Bad, Damages e Mad Men estão na minha lista particular de séries pendentes há um certo tempo. Estou pensando em assistir Mad Men primeiro, principalmente porque tem um bocado de gente fumando e ferrando com os pulmões feito loucos no ambiente publicitário dos EUA dos anos 60. Enfim: House deixei de acompanhar faz um tempo. Séries que repetem fórmula, pra mim, só Lei & Ordem e seus derivados, desculpa. E o que o Dexter está fazendo aqui? Depois daquele podador de coqueiro do Esfolador, essa 3ª temporada deveria ter sido indicada em Melhor série de comédia. Quanto a Lost, melhor ganhar depois que sair a última temporada, para dar a mesma obviedade do Senhor dos Anéis no Oscar. Chutômetro: hmm, Mad Men.

Guilherme Sagas: Momento doloroso e… dramático. Escolher entre Lost, Dexter e Mad Men é uma tarefa árdua. Mas acho que fico com Mad Men como a melhor representação da categoria. Dramalhão quase mexicano com uma produção espetacular.

Denis Pacheco: Por favor, Mad Men de novo não! Damages é a série que merece esse prêmio, tem o melhor elenco, o melhor roteiro, a melhor direção e consegue costurar numa curtíssima trama de 13 episódios que beira a perfeição. A zebra nessa categoria é com certeza o House. Não me entendam mal, sou tão fã do elenco do Plainsboro como todo mundo, mas… se a quarta temporada não levou prêmios, a quinta não merece.

Hector Lima: deve dar HOUSE. dessas só vejo LOST e é minha série preferida no momento, mas não sei se é a melhor dramática. em termos práticos a série do médico manco e mala dá mais audiência e tem mais momentos melosos.

Melhor host de reality show – programa de competição

  • Ryan Seacrest, American Idol
  • Tom Bergeron, Dancing With The Stars
  • Heidi Klum, Project Runway
  • Jeff Probst, Survivor
  • Phil Keoghan, The Amazing Race
  • Padma Lakshmi, Tom Colicchio, Top Chef

Pablo Casado: Eles não deveriam simplesmente entregar o prêmio à Heide Klum? Sério, quem se importa com os outros hosts quando você tem a HEIDI KLUM APRESENTANDO, CARAMBA?

Guilherme Sagas: Preciso concordar com o Pablo. Heidi Klum nem precisaria falar nada durante o programa e já mereceria ganhar o prêmio. Mas… Phil Keoghan é o único cara que consegue fazer alguém comer as unhas toda vez que fala HOWEVER, e minha torcida fica pra ele. A não ser que a Heidi agradeça o prêmio com os mesmos trajes que usou na propaganda do Guitar Hero.

Denis Pacheco: Meus colegas acima me perdoem, adoro a Heidi, mas a participação dela em Project Runway é irrelevante. Resume-se as mesmas duas frases, um VT resolveria. “Are you in, or are you out”. Contanto que o Ryan Seacrest não leve, estou feliz…

Hector Lima: Phil é o cara. amo a Heidi mas como apresentador do AMAZING RACE ele consegue fazer adulto sujar as calças com uma levantada de sobrancelha no final de cada etapa da corrida. a participação dele é empolgante e o show não seria a mesma coisa sem o neo-zelandês.

Melhor ator principal em série de comédia

  • Alec Baldwin, como Jack Donaghy – 30 Rock
  • Jemaine Clement, como Jemaine – Flight Of The Conchords
  • Tony Shalhoub, como Adrian Monk – Monk
  • Jim Parsons, como Sheldon Cooper – The Big Bang Theory
  • Steve Carell, como Michael Scott – The Office
  • Charlie Sheen, como Charlie Harper – Two And A Half Men

Pablo Casado: Disputa acirrada aqui. Alec Baldwin está simplesmente sensacional como Jack Donaghy e Tony Shalhoub está mais que estabelecido como Adrian Monk. Charlie Sheen eu vejo meio como zebra, apesar de adorar Two and a Half Men. Os principais candidatos aqui são Sheldon Cooper e Michael Scott, ambos pelo nível de sem-noção que cada um pode proporcionar. Acho que o nerd deveria levar este ano.

Guilherme Sagas: Sheldon! Toc toc! Sheldon! Toc toc! Sheldon! Toc toc!

Denis Pacheco: Choque total! Sheldon na parada, Sheldon merece todas as glórias. Alec já teve sua vez, Tony já teve sua vez, Steve Carell devia se focar no Oscar e Charlie Sheen… pff. Mal aí Jemaine, mas ainda não tive a chance de conferir Flight of The Conchords.

Hector Lima: faltou o Tracy Morgan como principal no 30 ROCK. o Baldwin é legal e tudo mais como o executivo conservador e escroto, mas de bom coração só que já levou essa antes. cadê o Tracy? racismo! racismo, eu digo!

Melhor ator principal em série dramática

  • Bryan Cranston, como Walter White – Breaking Bad
  • Michael C. Hall, como Dexter Morgan – Dexter
  • Hugh Laurie, como Dr. Gregory House – House
  • Gabriel Byrne, como Paul – In Treatment
  • Jon Hamm, como Don Draper – Mad Men
  • Simon Baker, como Patrick Jane – The Mentalist

Pablo Casado: Me recuso a acreditar que indicaram o cara do Mentalist. Agora que as propagandas do Warner Channel sobre a série vão se inflar ainda mais; fico imaginando o que poderia ser um exagero maior que “[The Mentalist] a série número 1 nos Estados Unidos”. Bem, fico com o Michael C. Hall.

Guilherme Sagas: Michael C. Hall sem dúvida.

Denis Pacheco: Com licença, mas só existe Gabriel Byrne nessa parada. Os colegas ao lado são muito bons, muito acertados em suas respectivas séries, mas somente o Gabriel Byrne consegue dar um show de 20 minutos diários sem levantar da cadeira.

Hector Lima: Bryan Cranston, chutando. não vejo nenhuma dessas séries e preciso começar a acompanhar BREAKING BAD. essa cena me convenceu.

Melhor atriz principal em série de comédia

  • Tina Fey, como Liz Lemon – 30 Rock
  • Christina Applegate, como Samantha Newly – Samantha Who?
  • Julia Louis-Dreyfus, como Christine – The New Adventures Of Old Christine
  • Sarah Silverman, como Sarah Silverman – The Sarah Silverman Program
  • Toni Collette, como Tara Gregson – United States Of Tara
  • Mary-Louise Parker, como Nancy Botwin – Weeds

Pablo Casado: Christina Applegate, como consolação pelo cancelamento de Samantha Who?, ou Julia Louis-Dreyfus?

Guilherme Sagas: Toni Collette tem boas chances, interpretando 5 personagens na mesma série. Mas fico na dúvida… sempre achei United States of Tara mais pro lado do drama.

Denis Pacheco: Para não dizerem que estou torcendo contra 30 Rock, Tina Fey levará essa categoria. Julia Louis-Dreyfus é cansativa (assim como a Christine), Sarah Silverman poderia levar, mas acho que ela é controversa demais para os votantes.

Hector Lima: WEEDS é comédia? hm, tá difícil e sinto falta da CURB do Larry David aí no meio. 30 ROCK é ok mas já levou e não é tudo isso… e pô, tentei ver o da Sarah Silverman mas achei muito sem graça.

Melhor atriz principal em série dramática

  • Sally Field, como Nora Walker – Brothers & Sisters
  • Glenn Close, como Patty Hewes – Damages
  • Mariska Hargitay, como Detetive Olivia Benson – Law & Order: Special Victims Unit
  • Elisabeth Moss, como Peggy Olson – Mad Men
  • Holly Hunter, como Grace Hanadarko – Saving Grace
  • Kyra Sedgwick, como Brenda Leigh Johnson – The Closer

Pablo Casado: Mariska Hargitay, pelo (meu) saudosismo. Mas tô achando que a Glenn Close vai levar. E deviam criar a categoria Lábios mais performáticos em série dramática só pra Kyra Sedgwick ganhar.

Guilherme Sagas: Como não assisto as outras séries, voto na Elisabeth Moss. Eu tento acreditar que a Peggy me segue mesmo no twitter.

Denis Pacheco: Se Brothers & Sisters não tivesse uma terceira temporada tão fraca, eu recomendaria Sally Field, mas frente a atuação exemplar da Glenn Close não vejo como alguém possa roubar o Emmy dela. Holly Hunter, really?

Hector Lima: hm, categoria melhor atriz em nova das 8! não assisto nenhuma dessas, mesmo o Denis me dizendo que DAMAGES é animal. deve dar Glenn Close, pelo seu peso de boa atriz mas vou votar na Mariska – ela já ganhou antes mas tem o nome mais legal.

Melhor Minissérie

  • Generation Kill
  • Little Dorrit

Pablo Casado: Só duas? Má vontade em eleger outras ou a produção de minis norte-americanas para TV não tem o mesmo pique das séries? Enfim, Generation Kill tá na minha lista de coisas a assistir, porque foi escrita pelo David Simon, criador/roteirista de The Wire. Corra atrás!

Guilherme Sagas: Nem sei…

Denis Pacheco: Só vi Generation Kill, mesmo assim… é tudo isso?

Hector Lima: só duas? hm, não vi nenhuma – falaram bem da primeira.

Melhor reality show – programa de competição

  • American Idol
  • Dancing With The Stars
  • Project Runway
  • The Amazing Race
  • Top Chef

Pablo Casado: American Idol é algo que dispenso depois da fase de seleção. Nunca tive paciência pra Amazing Race. E Dancing With The Stars? Tsc. Top Chef eu vi apenas uma temporada e gostei, apesar do meu cardápio preferencial ser o de um pedreiro. Project Runway é o meu reality preferido. Você, caro hetero, não se acanhe em acompanhar um programa sobre estilistas. É divertido e bem criativo. Além disso, tem a HEIDI KLUM, QUE TEM QUE GANHAR O DE MELHOR HOST!

Guilherme Sagas: Amazing Race. Não precisaria comentar mais nada… mas o Pablo insiste em argumentar com a imagem da Heidi e me deixar em dúvida.

Denis Pacheco: Project Runway é o reality mais completo de todos. Tem o júri certo, a tensão certa e os personagens exagerados certos. A produção é exemplar, não depende do público para ser ou não um hit. É um programa que se sustenta e cuja fórmula não se esgota.

Hector Lima: desculpa, Denis, mas AMAZING RACE. não tem júri nenhum, nem votação do público. a corrida só depende dos participantes chegarem no pit-stop. é uma unanimidade burra [é o único ganhador da categoria desde que ela foi criada] mas com méritos – a corrida é emocionante e nenhum outro reality te mostra uma volta ao mundo.

Melhor reality show

  • Antiques Roadshow
  • Dirty Jobs
  • Dog Whisperer
  • Intervention
  • Kathy Griffin: My Life on the D-List
  • MythBusters

Pablo Casado: Hmm. Não falo ideia de que programas sejam Antiques Roadshow, Dirty Jobs e Kathy Griffin: My Life on the D-List; quer dizer, dá pra imaginar pelo nome, mas eu não sabia da existência deles até agora. Intervention eu já assisti um ou outro episódio e é interessante, mas há dias para assisti-lo e há dias para assisti-lo, sabe? MythBusters é enjoativo, vai. Dog Whisperer (ou Encantador de Cães, como é conhecido do público brasileiro) é sensacional! Sabe o Dr. Pet, da Record? Se o Cesar Milan der aquele golpe ninja canino dos dois dedos no cara, o sujeito fica de quatro, rola e vai pegar o osso. YA!

Guilherme Sagas: Cadê os realities da E! e da Vh1? Cadê a tosqueira? Cadê a Kendra? Não rolou nem um Extreme Makeover Home Edition? Voto branco em sinal de protesto.

Denis Pacheco: Que fique registrado, não dá para assistir tudo e por mais que Antiques Roadshow seja emocionante (sono), eu não tenho base pra opinar sobre nenhum desses.

Hector Lima: a que ponto chegamos, duas categorias de realities. não vejo nenhuma e todas me soam sem graça. vou votar no ANTIQUES ROADSHOW porque essa feira de antiguidades deve ser nervosa pra estar competindo.

Melhor ator coadjuvante em série de comédia

  • Tracy Morgan, como Tracy Jordan – 30 Rock
  • Jack McBrayer, como Kenneth Parcell – 30 Rock
  • Kevin Dillon, como Johnny Drama – Entourage
  • Neil Patrick Harris, como Barney Stinson – How I Met Your Mother
  • Rainn Wilson, como Dwight Schrute – The Office
  • Jon Cryer, como Alan Harper – Two And A Half Men

Pablo Casado: Num mundo justo, não os atores, mais os próprios personagens Dwight Schrute e Alan Harper seriam ambos vencedores do prêmio. Ao subirem ao palco para receberem os louros, Dwight mataria Alan com algum canivete suíço pertencente a algum parente distante da família Schrute que fora caçador. Claro: o Michael subiria ao palco para tentar limpar a barra do Dwight e, na platéia, Jake estaria se entupindo de comida e Charlie rindo e bebericando algum bebida. Fim.

Guilherme Sagas: Num mundo justo, Kenneth Parcell teria a chance de fazer um discurso de agradecimento e participar de um episódio dos Muppets.

Denis Pacheco: Num mundo justo, the king of AWESOMENESS Barney Stinson será o vencedor!

Hector Lima: RT @sagas Num mundo justo, Kenneth Parcell teria a chance de fazer um discurso de agradecimento e participar de um episódio dos Muppets.

Melhor ator coadjuvante em série dramática

  • William Shatner, como Denny Crane – Boston Legal
  • Christian Clemenson, como Jerry Espenson – Boston Legal
  • Aaron Paul, como Jesse Pinkman – Breaking Bad
  • William Hurt, como Daniel Purcell – Damages
  • Michael Emerson, como Ben Linus – Lost
  • John Slattery, como Roger Sterling – Mad Men

Pablo Casado: Michael Emerson. Vai dizer que ele não merece?

Guilherme Sagas: Michael Emerson.

Denis Pacheco: Willian Shatn… brincadeirinha! Só os votantes do Emmy assistem Boston Legal, vamos combinar. William Hurt estava de amargar corações em Damages, mas por conjunto da obra, tá na hora do Benjamin Linus levar alguma coisa.

Hector Lima: Ben, the two of us need look no more \ We both found what we were looking for \ With a friend to call my own \ I’ll never be alone \ And you my friend will see \ You’ve got a friend \ in me

Melhor atriz coadjuvante em série de comédia

  • Jane Krakowski, como Jenna Maroney – 30 Rock
  • Kristin Chenoweth, como Olive Snook – Pushing Daisies
  • Amy Poehler, como vários personagens – Saturday Night Live
  • Kristin Wiig, como vários personagens – Saturday Night Live
  • Vanessa Williams, como Wilhelmina Slater – Ugly Betty
  • Elizabeth Perkins, como Celia Hodes – Weeds

Pablo Casado: Er, Jane Krakowski?

Guilherme Sagas: Ficaria feliz com a Jane Krakowski ou a Amy Poehler.

Denis Pacheco: Jane Krakowski por seu papel em Ally McBeal, ok?

Hector Lima: amo a Jenna do 30 ROCK, principalmente quando ela canta [e ninguém quer ouvir], mas queria que fosse pra Kristin Wiig do SNL. os personagens bizarros dela causam um desconforto engraçado que tem quase levado a série ao vivo nas costas.

Melhor atriz coadjuvante em série dramática

  • Cherry Jones, como President Allison Taylor – 24
  • Rose Byrne, como Ellen Parsons – Damages
  • Sandra Oh, como Dr. Christina Yang – Grey’s Anatomy
  • Chandra Wilson, como Dr. Miranda Bailey – Grey’s Anatomy
  • Dianne Wiest, como Gina – In Treatment
  • Hope Davis, como Mia – In Treatment

Pablo Casado: Chutômetro: Dianne Wiest.

Guilherme Sagas: Dianne Wiest mandou bem na única participação dela que assisti.

Denis Pacheco: Essa categoria vai me MATAR! Eu torço pra todas, todas sem exceção. A presidente Taylor não era nenhum David Palmer, mas justamente por isso estava brilhante. Rose Byrne é a advogada que eu queria para me defender, Chandra e Sandra combinadas formam a médica dos meus sonhos e Dianne e Hope roubaram a cena em In Treatment. Sinto falta tremenda de Alison Pill entre as indicadas. Sua April me fez chorar copiosamente!

Hector Lima: momentos assim me fazem lembrar que esqueci \ não me importei de ver essa temporada do 24h. eu votaria na presidente, mas como não vi – voto em branco.

Melhor performance vocal

  • Ron Rifkin, como Narrador – American Masters • Jerome Robbins: Something To Dance About
  • Seth MacFarlane, como Peter Griffin – Family Guy • I Dream of Jesus
  • Seth Green, como Anakin Skywalker/ Bob Goldstein/ Imperial Officer/ Ponda Baba/ Robot Chicken Nerd – Robot Chicken • Robot Chicken: Star Wars Episode II
  • Hank Azaria, como Moe Syzlak – The Simpsons • Eeny Teeny Maya, Moe
  • Harry Shearer, como Kent Brockman/ Lenny/ Mr. Burns/ Smithers – The Simpsons • The Burns And The Bees
  • Dan Castellaneta, como Homer Simpson – The Simpsons • Father Knows Worst

Pablo Casado: Se Family Guy não levar Melhor série de comédia, o MacFarlane deve ganhar aqui. É o mínimo. Até porque o episódio com o qual ele está concorrendo é um dos MELHORES da última temporada, onde o Peter ressuscita o clássico Surfin’ Bird, do Trashmen.

Denis Pacheco: Sou um fã do Hank Azaria, desde os tempos de Mad About You. Ele não vai levar, mas tô na torcida. Caso ele perca, que a glória vá para o Seth Green.

Hector Lima: Seth Green pela variedade no ROBOT CHICKEN, mas se não for ele deve levar o McFarlane porque tá em evidência [renovação milionária de contrato, bom uso da internet etc]

Melhor roteiro para série dramática

  • Carlton Cuse, Damon Lindelof – Lost • The Incident
  • Robin Veith, Matthew Weiner – Mad Men • A Night To Remember
  • Andre Jacquemetton, Maria Jacquemetton, Matthew Weiner – Mad Men • Six Month Leave
  • Matthew Weiner – Mad Men • The Jet Set
  • Kater Gordon, Matthew Weiner – Mad Men • Meditations In An Emergency

Pablo Casado: Quatro indicações para episódios de Mad Men? Tá, tô voando pra assistir essa série. E o season finale da 5ª temporada de Lost correndo por fora? Não duvido nada ganhar.

Guilherme Sagas: Six Month Leave ou A Night To Remember, de Mad Men.

Denis Pacheco: Por favor, Mad Men de novo não!

Hector Lima: dá logo pro MAD MEN. adoro LOST mas o roteiro desse final de temporada não foi dos melhores. teve episódios bem mais legais ali no meio.

Veja a lista completa de indicados aqui.



This entry was posted in TV and tagged , , . Bookmark the permalink.



Goma de Mascar no Facebook