Canais dos EUA revelam séries canceladas e renovadas


Sabe quando chega lá por outubro e os canais a cabo começam a anunciar o retorno de suas séries preferidas? Pois nada disso tem qualquer influência no que você vai assistir.

Ok, talvez o horário ajude, ou atrapalhe. Mas a semana de definições para os fãs de séries acontece em maio, nos Estados Unidos, quando executivos dos grandes canais norte-americanos anunciam sua “grade de outono”. Embora alguns anúncios de cancelamento ou renovação sejam feitos antes – e embora vários rumores sejam confiáveis ou simplesmente óbvios –, é somente com esse anúncio que é dada a palavra final.

Comédias

Um belo punhado de sitcoms já estava garantido para a próxima temporada, mas algumas delas se salvaram na última hora. Boas notícias para os fãs de “The Rules of Engagement”. A elogiada “Better Off Ted”, no entanto, não sobreviveu aos índices fraquíssimos de audiência.

Mas talvez a grande notícia no gênero tenha sido a renovação do contrato do ator Charlie Sheen, que havia ameaçado abandonar o barco. Assim, o sucesso “Two and a Half Men” foi confirmado para mais um ano.

“New Adventures of Old Christine” é um caso à parte. O canal CBS, que exibia a sitcom nos EUA, fechou sua grade sem o programa. Mas existe uma possibilidade pequena de que o canal ABC assuma a série (como já havia sido especulado em 2009, quando “Old Christine” estava perigando). Atualização: A produtora de “New Adventures of Old Christine” avisou que não houve acordo.

Dramédias

Dramédias podem (ou não) ser o futuro da televisão, mas ainda ocupam poucos horários na grade. Mesmo assim, é notável o saldo positivo do gênero: além de “Glee” e “Castle”, que já haviam sido anunciadas, também seguem em produção “Desperate Housewives” e “Chuck”.

Para os órfãos de “Ugly Betty”, um consolo: Vanessa Williams foi incluída no elenco de “Desperate Housewives”.

Dramas

As séries dramáticas – gênero predominante nos grandes canais norte-americanos – não protagonizaram muitas surpresas fora das telas. Favoritas como a franquia “CSI” e as irmãs “Private Practice” e “Grey’s Anatomy” continuam vivas por mais uma temporada, assim como “The Mentalist” e “House”. No outro extremo, produções que não emplacaram – “Mercy”, “Trauma”, “The Deep End” – foram riscadas da programação.

Mas houve sim uma grande, enorme reviravolta: “Law & Order” original, que era dada como garantida para mais uma temporada, foi aposentada pelo canal NBC. Pois é, chegamos ao fim de Jack McCoy. A renovação de “L&O” era esperada (nós também caímos) até para que a série pudesse quebrar o recorde de temporadas – mas a produção terá que se contentar em ficar empatada com “Gunsmoke”, um seriado exibido nos EUA entre 1955 e 1975. Um verdadeiro crime…

Já “Ghost Whisperer” tem situação parecida à de “Old Christine”. O canal CBS não renovou, mas o canal ABC tem algum interesse na série – até porque os estúdios ABC participam da produção. Atualização: “Ghost Whisperer” teve uma semana extra de esperança, mas foi só: os produtores já avisaram que os aparelhos foram desligados e a série agora caminha em direção à luz.

Teen

O canal CW, reduto único das produções voltadas ao público teen (e muitos fãs mais crescidinhos), já havia reduzido a ansiedade de muita gente com várias renovações anunciadas com antecedência. As dúvidas ficavam por conta da veterana “One Tree Hill” e da novata “Life Unexpected”. Na dúvida, o canal adaptou a saída do rei Salomão e encomendou meia temporada de cada uma delas.

Sci-Fi

50/50. Só assim podemos descrever a situação para o fã de seriados de ficção científica, fantasia e ação. Boa notícia para os fãs de “Human Target”, que garantiu uma segunda temporada mesmo sem alcançar muita audiência – talvez a Fox esteja procurando um novo Jack Bauer. Na mesma lógica, a ABC se despediu de “Lost” e renovou “V”, que até agora teve sucesso apenas mediano.

Azar de “FlashForward”, que era a outra aposta da ABC. Depois de perder o rumo e a audiência, a ambiciosa série se despedirá com apenas uma temporada. Também entrou para a lista de condenados a série “Heroes”, lembra? Pois é. Peter Petrelli já fez muito sucesso, mas isso ficou no passado e poder nenhum conseguiu trazer o momentum de volta (embora existam rumores sobre um filme para resolver algumas histórias). Fica a conclusão: aquela história de fazer sucesso fora dos EUA não sustenta série nenhuma.

“Smallville”, que já havia garantido seu 10º ano, também foi destaque nos anúncios da semana: o ator Tom Welling vazou que a próxima temporada será também a derradeira para as aventuras do jovem Clark Kent.

A sua série preferida foi cancelada? Não se preocupe! Além do destino de suas produções atuais, os canais também revelaram várias novidades que estreiam a partir de setembro. Falaremos sobre as novas séries na próxima semana, aqui na Goma.

[compre: séries de TV em DVD]



This entry was posted in TV and tagged , , , . Bookmark the permalink.



Goma de Mascar no Facebook

  • murilodude

    Várias já vão tarde, né?

  • http://twitter.com/lhys Lhys

    E outras tantas estão fazendo hora extra…

  • Bullshico

    Acho que Smallville devia ter acabado na terceira temporada….

  • marta

    E Big Bang Theory?

  • marta

    Ah, achei lá em cima!