Mixtape Imaginária #3: Doctor Who


Faz algum tempo, começamos uma pequena sessão aqui na Goma que se dedica a criar mixtapes para personagens da ficção. Nas primeiras duas incursões, visitamos os personagens mais famosos de Jane Austen e Oscar Wilde. Sem sair da Inglaterra, mas tentando expandir nosso pequeno universo, escolhemos outro personagem que habita a terra da Rainha, e que pode muito bem ter conhecido os dois autores aqui citados: o Doctor

Com pouco mais de 900 anos de idade, o Doctor é um fugitivo de seu povo e de seu planeta. Tendo adotado a Terra como seu lar, ele faz amizades e enfrenta vilões desde os anos 60. Com diferentes encarnações, o personagem principal de Doctor Who (série idolatrada por esse que vos escreve!) volta a defender nosso planeta na semana que vêm. Entrando na sexta temporada de sua nova fase, o 11º Doctor, interpretado pelo fantástico Matt Smith ganhou o direito de ter sua própria mixtape desde que regenerou em nossas vidas. Conheça mais a fundo a série Doctor Who neste post. Segue para sua apreciação:

Up on the Ladder – Radiohead
Thom Yorke sabe o que estar preso no TARDIS, a nave com propriedades mágicas do Doctor, e escreveu “Up on the Ladder” tendo essa situação em perspectiva. Solitário mesmo quando acompanhado, ele tranqüilamente teria em sua mixtape uma boa gama de faixas do Radiohead, ainda que nenhuma canção deles o mencionasse diretamente. Não seria impossível se Thom Yorke, um homem a frente do seu tempo, fosse mesmo um Time Lord disfarçado a vista de todos.

7 Stars – Apples in Stereo
Um dos grandes segredos do Doctor é seu nome real. Chamando apenas pelo título que inventou para si, ninguém jamais soube a verdadeira alcunha do filho pródigo de Gallifrey. Além de ser uma ode a amizade romântica, “7 Stars” é a faixa que emula perfeitamente a relação atemporal entre o Doctor, um explorador espacial ímpar, e seus companheiros humanos: “And you don’t even know my name / And I know every constellation.”

Time is on My Side – The Rolling Stones
Ainda que os versos de Mick Jagger sejam apenas uma expressão, no caso dessa playlist, eles representam simplesmente como são os fatos no universo de “Doctor Who”. O tempo está definitivamente do lado de alguém que possui uma máquina capaz de viajar para qualquer Era. O rock blueseiro dos Stones, despretensioso como o próprio Doctor gostaria de ser, tem lugar garantido nas faixas favoritas do Time Lord.

Across The Universe – Fiona Apple
Se existe uma origem secreta para o mantra “Jai guru deva”, ela provavelmente estaria ligada ao Doctor, que nada mais é do que uma presença paternal durante a história da humanidade. Quando mencionado em lendas, o Doctor é retratado como um herói com ares de deidade, alguém para quem a humanidade recorre em tempos de crise, o único com poder suficiente para garantir que nada mudasse nosso mundo.

Uprising – Muse
Guru interplanetário a parte, ele não é exatamente uma das pessoas mais pacíficas de sua raça. Sua rebeldia universalmente conhecida ecoa insuflando revoluções pelos cosmos. Sampleando extra-oficialmente o tema de abertura de “Doctor Who”, o Muse parece ter criado uma faixa perfeita para um personagem que está numa batalha constante contra todas as formas de controle já criadas e seu cinismo inerente.

We’re In This Together – Nine Inch Nails
Entre os inúmeros conflitos nos quais o Doctor e seus companheiros se envolvem, a mixtape do Time Lord abriria uma brecha para a ‘epicness’ violenta de “We’re In This Together”. Apesar de ser um notório pacifista e jamais utilizar armas de fogo, ele é, por força maior, um guerreiro que carrega consigo um exército de companheiros espalhados pelo tempo e espaço. Todos prontos para se colocar na linha de frente das mais perigosas trincheiras.

Starman – David Bowie
“There’s a starman waiting in the sky”. Ele quer nos conhecer, quer expandir nossos horizontes, confia em nós e torce para fazermos a coisa certa. David Bowie, possivelmente um amigo íntimo do Doctor, não criou seu Ziggy Stardust do nada, muitas de suas composições psicodélicas parecem pertencer naturalmente ao hall de maneirismos das várias encarnações do Doctor. Agora fica a questão: qual dessas regenerações interagiu com o célebre Sr. Bowie?

Day-O (Banana Boat) – Harry Belafonte
Se não existisse um pouquinho de aleatoriedade insana, não seria a mixtape do Doctor. “Bananas are good”, já disse o Doctor em diversas ocasiões. Sempre leve uma banana para uma festa, aconselhou o sábio viajante do tempo!

Blacklisted – Ash
Quando comecei essa lista, “Blacklisted” foi uma das primeiras faixas a vir à mente. A relação dela com o Doctor para mim, especialmente sua nona regeneração, foi imediata. Como esse exercício é parte pensar nas músicas que falam pelo personagem (e parte pensar nas músicas que o personagem gostaria de ouvir), a faixa do Ash cabe um pouco mais na primeira do que na segunda. Exilado de seu mundo agora destruído, ele tem que lidar diariamente com o conflito interno de ter causado a ruína de seu planeta. Precisando do amparo de seus companheiros, ele pouco a pouco se recupera, incentivando a coragem diante das adversidades como única alternativa possível para se seguir em frente.

Spaceman – The Killers
Diretamente relacionada à 10a renegeração, a faixa do The Killers serviu de apelido para o Doctor quando sua companheira, Donna Noble. fazia parte da tripulação do TARDIS. Trilha de uma abdução surreal, mas divertida, “Spaceman” é a faixa perfeita para que ele se apresente aos novos companheiros. Com um ar lunático e excitado, o conjunto de versos do The Killers resume muito bem a mistura de perigo e aventura nonsense que é acompanhar o ser mais errático do universo.



This entry was posted in Música, TV and tagged , , . Bookmark the permalink.



Goma de Mascar no Facebook