quando cabelo volta a ser uma forma de rebeldia


essas meninas estudam na escola Rednock na cidade inglesa de Dursley:

e estão sob ameaça de não poderem fazer provas por causa do cabelo descolorido. a escola proíbe qualquer cabelo tingido. o que fazer, uma vez que elas não querem recolorir o cabelo de preto? pegar em armas, tacar fogo na escola, fazer um protesto capilar? isso é idiota e interessante ao mesmo tempo pra mim; interesante porque recupera o aspecto rebelde e contestador social da Moda, de direito à individualidade. idiota porque, bom, é fácil demais.

espero sinceramente que isso não seja um viral pra uma nova dupla Pop de garotas em roupas de estudante…



This entry was posted in Moda, Política. Bookmark the permalink.



Goma de Mascar no Facebook

  • http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=13801300376841709339 Rogério Brandão

    as novas TATU. “not gonna get us! they´re not gonna get us”.

  • http://neuroniosdecalcinha.blogspot.com Nathalia

    As instituições de ensino têm uma mania chata de querer que os alunos percam a individualidade…
    Não basta obrigar a usar uniformes, tem que dar pitaco no cabelo?
    Eu acho que os adolescentes já costumam ter problemas de identidade pessoal o bastante. Não precisa criar mais.

  • http://eunaomerotulo.blogspot.com/ Isac

    Novas “T.A.T.U.” detected…

    Affs, tão idiota que dispenso comentários ¬¬’

  • http://neuroniosdecalcinha.blogspot.com Nathalia

    Ah, só um adendo… Alguém avisa pra direção da escola que descolorante não é tintura.